quinta-feira, agosto 17, 2006

Brandoa quer mudar de face para acabar com o estigma

A Brandoa está diferente. Quem circula no centro desta freguesia da Amadora reconhece que pelo menos aí as coisas mudaram. Junto à igreja está a ser ultimado o Centro Cívico da Brandoa, onde também fica instalado o Fórum Luís de Camões. Com um período de construção de oito meses, o futuro mercado da Brandoa promete melhorar ainda mais a renovada imagem do centro daquela localidade. Ler notícia aqui.

1 comentário:

Maria Zamora disse...

Estigmas, conotações e rótulos. Fala-se do que não se sabe.
Moro na Brandoa desde Janeiro, escolhi morar lá, porque as pessoas são aprazíveis e reais, parece que estamos no interior dentro da loucura da cidade. A sua origem tem base no trabalho árduo do povo vindos marioritáriamente da "província" e assim se ergueu uma pacata localidade. Quando digo que moro na Brandoa, aos mais conservadores, dizem "Ahhh, cuidado, há muita droga para essas bandas!" nunca vi nada, nem sequer me ofereceram nada como acontece no Rossio em Lisboa.
Brandoa está a revirar-se do avesso!
Deixo aqui a minha disponibilidade para trabalho voluntário com jovens da comunidade, se houver alguém que me possa informar agradeço.
Maria Zamora